Petit: «A equipa vai estar preparada»


Foto e informação por: Record

Petit, treinador do Boavista, disse esta sexta-feira que se a equipa jogar como tem feito em casa vai "sorrir no final" do encontro com o V. Setúbal, a contar para a 30.ª jornada da Liga e marcado para as 19:15 do próximo domingo. Na antevisão deste jogo, que surge após duas derrotas, uma fora, com o Sporting (2-1), e outra em pleno Bessa, com o Marítimo (2-0), Petit repetiu que os jogadores axadrezados têm de "encarar este jogo como se fosse o último, como se fosse uma final". "Regressamos a casa e queremos voltar aos bons resultados. A equipa vai estar preparada", acrescentou.

Petit realçou que o Boavista vai medir forças com "uma equipa que fora de casa vem de dois resultados positivos", uma vitória em Guimarães e um empate com o Marítimo. "Sabemos aquilo que vamos apanhar e vamos estar prevenidos, bem preparados para encarar este jogo como se fosse o último, como temos encarado sempre", referiu.

Este jogo é "completamente diferente" do que o Boavista realizou na jornada anterior, em Alvalade, mas o V. Setúbal "é uma equipa muito boa, com muita qualidade, que sai muito bem em transições rápidas e tem jogadores perigosos na frente".

O treinador boavisteiro disse que o moral da sua equipa não sofreu danos com as derrotas nas duas rondas anteriores, apontando que "o jogo com o Marítimo teve um resultado injusto" e que o de Alvalade foi com "uma equipa candidata ao título".

"A equipa tem de continuar a acreditar, tudo é possível no futebol. Vamos encontrar uma equipa difícil, que está à procura de pontuar para sair da zona lá de baixo, mas nós também queremos conquistar o mais rapidamente os nossos objetivos", reforçou Petit.

O técnico acrescentou que restam ainda cinco jogos. "São 15 pontos e ainda queremos conquistar mais alguns", o que passa, acrescentou, por "continuar com a tendência" dos bons resultados caseiros face a concorrentes diretos na luta pela permanência, como é o V. Setúbal.

Sadinos com dificuldades fora

O Boavista encontra-se no 12.º lugar, com 29 pontos, ao passo que o V. Setúbal ocupa o 16.º posto e tem menos quatro pontos e apenas um triunfo fora de casa. "Eles sabem que temos sidos fortes em casa, com a ajuda dos nossos adeptos. Jogando como temos jogado, penso que vamos sorrir no final do jogo porque acreditamos que podemos fazer um bom resultado", afirmou Petit.

O treinador afirmou também que no balneário nunca se falou sobre a meta pontual necessária para a manutenção. Prevaleceu a ideia de que o campeonato "é para ser encarado jogo a jogo" e que o objetivo é "conquistar o maior número de pontos possível".

Questionado ainda sobre se o Boavista é favorito frente ao Setúbal, Petit admitiu que sim: "Temos de acreditar que somos favoritos porque acreditamos no nosso trabalho".

O treinador boavisteiro admitiu que já poderá contar com o central Carlos Santos, que falhou Alvalade por lesão. Ancelmo e Fábio Ervões continuam ausentes devido lesões e o central Philipe Sampaio também não é opção, mas por estar castigado.

Fonte: Record

Proxima
« Anterior
Anterior
Próximo Post »